Dono da Engevix propõe usar reservas internacionais

Dono da Engevix propõe usar reservas internacionais

Para ele, até US$ 60 bilhões deveriam ser usados para financiar obras no setor de infraestrutura

Por Daniel Rittner — De Brasília

26/03/2020 05h00  Atualizado há 4 horas

O empresário José Antunes Sobrinho, dono da Nova Engevix, defende um “Proer da Infraestrutura” como resposta à crise econômica provocada pelo avanço do coronavírus. Ele argumenta que o governo deveria converter uma parcela das reservas internacionais, algo entre US$ 50 bilhões e US$ 60 bilhões, em recursos para financiar obras no setor.

Em entrevista ao Valor, por telefone, Antunes ressaltou que isso não é incompatível com a preservação da responsabilidade fiscal, bem como da prioridade dada às reformas e às privatizações tão logo acabe a atual situação de emergência sanitária. Os recursos para esse programa de infraestrutura, em sua avaliação, podem ser contabilizados em uma conta específica, um “orçamento de guerra”, à parte das demais despesas.

Leia na íntegra

https://valor.globo.com/brasil/noticia/2020/03/26/dono-da-engevix-propoe-usar-reservas-internacionais.ghtml


Posts relecionados

Advogados montam força-tarefa para empresas de viagens

O advogado Felipe Pacheco Borges, do NWADV, avalia que, em curto e médio...

Especialista explica adiamento de pagamento de dívidas em bancos

Márcio Casado, especialista em Direito do Consumidor, comenta sobre as negociações de dívidas...

Fale conosco

Endereço
Rua Wisard, 23 – Vila Madalena
São Paulo/SP
Contatos

(11) 3093 2021
(11) 974 013 478