Ministério da Economia limita lei que acaba com voto de desempate no Carf

Ministério da Economia limita lei que acaba com voto de desempate no Carf

Discussões sobre compensação e pedidos de restituição e ressarcimento de impostos ficam de fora das novas regras

Por Joice Bacelo, Valor — Brasília

O Ministério da Economia publicou portaria para regulamentar a proclamação de resultados pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) nas hipóteses em que houver empate. Essa norma, segundo advogados, restringe o que está previsto na Lei nº 10.522, publicada no mês de abril, que colocou fim ao chamado voto de qualidade.

Esperava-se, com a nova lei, que os julgamentos no Carf passassem a ser mais favoráveis aos contribuintes. Isso porque, antes dela, o desempate cabia ao presidente da turma julgadora, sempre um representante da Fazenda. Já a partir da Lei nº 10.522 o entendimento é de que se houver empate, o contribuinte será favorecido.

(…)

“A Portaria nº 260 está sendo fortemente criticada pelos advogados dos contribuintes. “É grave. Limita a lei”, diz Tiago Conde, sócio do escritório Sacha Calmon. Ele afirma que a Lei nº 10.522 não depende de regulamentação para ser aplicada.”

Leia a íntegra

https://valor.globo.com/legislacao/noticia/2020/07/03/ministrio-da-economia-limita-lei-que-acaba-com-voto-de-desempate-no-carf.ghtml


Posts relecionados

Senado define entrada imediata da LGPD no país

Para Maria Hosken, especialista em direito digital e privacidade, a entrada em vigor...

Receita Federal destrói mais de 4 mil toneladas de produtos piratas

Os detalhes dessa operação  estão na entrevista de Pedro Scartezin com o advogado...

Fale conosco

Endereço
Rua Wisard, 23 – Vila Madalena
São Paulo/SP
Contatos

(11) 3093 2021
(11) 974 013 478